geroge-orwell-filosofia-plena-idadePropaganda, politica e filosofia.

Numa època de mentiras universais dizer a verdade é um ato revolucionário. É o que diz George Orwell, escritor do livro "1984", que originou a expressão Big-Brother, é considerado um dos maiores críticos sociais da era moderna. Algumas de suas citações, com mais de meio século de idade, mostram uma profunda compreensão do futuro, que apenas uma mente brilhante como a dele poderia ter. Leia abaixo 10 citações de Orwell que hoje estão  se cumprindo.

1)  Propaganda e  Política, por si mesma, é uma massa formada de mentira, subterfúgios, loucura, ódio e esquizofrenia.

Muitas pessoas, atualmente possuem a vontade de enterrar a cabeça na areia quando se trata de assuntos políticos, mas por mais que se esforcem, jamais conseguirão ficar isoladas da realidade.

Embora alguém consiga evitar a política, em algum momento os efeitos das decisões políticas que tentaram evitar, baterão à sua porta e lhe afetarão plenamente.

2)  propaganda de guerra, todos os gritos, as mentiras e o ódio, provêm invariavelmente de pessoas que não estão lutando.

Nós podemos ver a cada dia nos noticiários, onde constantemente os líderes políticos, analistas ou sabichões especialistas, clamando pela necessidade de fazer fluir o sangue pelas ruas de alguma cidade ou região de nome impronunciável.

Sempre em um bombardeio "seletivo e humanitário", em forma de luta "legítima" contra tiranos ou terroristas em nome da democracia, paz, segurança ou lei internacional ou em defesa das pátrias, crenças ou das ideologias mais variadas.

E conforme caem as bombas e voam as balas, eles seguem embutidos em seus cômodos trajes, falando tranquilamente diante das câmeras, longe dos campos de batalha que eles mesmo geraram.

Eles nunca lutam em suas guerras…

3) A guerra contra um país estrangeiro apenas ocorre quando as classes altas pensam que vão beneficiar-se dela

Esta é uma ideia difícil de aceitar para muitas pessoas. Mas é só ver quem se beneficiou nas recentes guerras lideradas pelos EUA para compreender que esta é a autêntica realidade que se esconde por trás da maioria dos conflitos atuais.

4) O próprio conceito de verdade objetiva está desaparecendo do nosso mundo. Mentiras acabarão sendo vistas como verdades históricas.

Podemos ver isso constantemente em livros de história do mundo todo. Por exemplo, há um livro de história iraquiano que narra a 'gloriosa vitória de Saddam Hussein sobre os Estados Unidos' de 1991.

Existem por sua vez, múltiplos livros de história, de diferentes nações, que afirmam que um de seus cidadãos foi o primeiro a voar ou realizar um mesmo invento.

A história sempre é escrita pelo vencedor ou aquele que tem o poder… e a este nunca é perguntado se ele está dizendo a verdade.

5) Numa uma época de mentiras universais, dizer a verdade é um ato revolucionário.

geroge-orwell-filosofia-frase-plena-idadeCada vez está mais claro: as revoluções do futuro não serão feitas com balas e explosivos, e sim com pequenos fragmentos de dados que viajam pelas redes do mundo todo destruindo as falsas narrações como as que os governos enganam a seus cidadãos.

Aqui estão os exemplos (mais discutidos) de Assange, Manning ou Snowden…

6) O jornalismo consiste em dizer coisas que alguém não quer que seja dito: todo o resto são relações públicas

Não se engane a respeito disso; se um artigo não enoja alguém, não é um jornalismo autêntico.

A maior parte do que atualmente é considerado 'uma notícia', é pouco mais que anúncio oficial de um produto, um serviço ou uma crença.

É dizer pura propaganda à serviço de algum interesse.

O jornalismo autêntico consiste em revelar a verdade. E a verdade sempre incomoda alguém

7) Na vida real é sempre a bigorna que quebra o martelo.

propaganda em todos os conflitos, tal e qual podemos ver atualmente pelo mundo todo, o grupo vencedor não é o que pode infligir um dano maior, e sim o que sabe fazer propaganda é capaz de suportar maiores danos.

O que resiste, é o que acaba se impondo em última instância.

A história está repleta de situações em que as poderosas forças militares 'ganharam as batalhas mas perderam a guerra'.

Lembram doVietnam?

8) O nacionalista não apenas não aprova as atrocidades cometidas pelo seu próprio grupo, mas também tem uma notável capacidade de sequer ouvir sobre eles.

Diga isso para os cidadãos norte americanos.

Eles lançam o grito para o céu se falarem das torres gêmeas… mas nem ouvimos falar de Haditha, Panjwai, o distrito de Maywand ou de Mahmudiya.

Em todos estes incidentes, os que cometeram as atrocidades e os atos de brutalidades levavam uma bandeira norte americana em seu ombro.

E assim, com todos os países…

9) As ameaças a liberdade de expressão, escrita e ação, embora frequentemente pareçam triviais quando os vemos de forma isolada, são cumulativos em seus efeitos e sempre conduzem a uma falta de respeito generalizada pelos direitos do cidadão.

Todos os dias aparece uma nova forma e censura ou um novo método de nos forçar a nos auto-censurar e nós não reagimos diante disso, já que cada vez que aparece um novo método de repressão, é aplicado a uma pequena minoria.

Quando as pessoas perceberem que a sua liberdade de expressão e sua capacidade de dissidência foram completamente restringidas, será tarde demais.

E isso nos leva a citação mais perturbadora de Orwell…

10) Se você quer uma fotografia do futuro, imagine uma bota pisando num rosto humano para sempre.

Uma vez que as pessoas são doutrinadas com crenças nacionalistas e uma vez que se tenha criado a infraestrutura necessária para protegê-los de algum tipo de 'inimigo', constantemente mudando de nome e forma, já não há nenhuma possibilidade de que as pessoas recuperem sua liberdade.

No momento em que todas estas peças estiverem no lugar, se perde toda a oportunidade de recuperar a liberdade e não somente isso, mas a perda da vontade do povo para alcançar essa liberdade.

Chegamos a este ponto, as pessoas amam verdadeiramente o Big-Brother.

Não é o que está acontecendo atualmente com grande parte da população de todos os países?

voce pode acompanhar essa materia em nossa Revista Digital